um blog de inspirações e expirações

19.3.16

It's time for changes


Depois de 5 meses, voltamos com a programação do blog. Não vou dizer que é a "programação normal", porque a programação normal estava péssima com um post a cada 3 meses. Voltei com o blog para postar com mais frequência e fazer desse espaço a fuga e a ajuda que eu acredito que ele pode ser para mim (explicarei isso num post futuro). 

Minha intenção era voltar já depois de ter feito a migração para Wordpress, mas por uma série de motivos precisei adiar essa mudança. Uma delas foi a dificuldade de criar um layout novo. Eu sou beeem chata com os projetos que desenvolvo para mim mesma e acho muito mais difícil criar para mim do que criar para outra pessoa. Desde outubro, comecei uns 5 layouts e descartei todos. Tava tão sofrida nessa lida que a Natália, fofa, criou um painel no Pinterest onde ela reuniu várias coisas que ela achava que tinham a minha cara. Eu fiquei tão feliz com esse gesto de carinho que me apressei para voltar. Obrigada, Natália! sz

Como eu sei que quando eu for fazer a migração vou querer ir com layout novo, já acrescentei mentalmente mais algum tempo até isso acontecer, hehe. Por enquanto, vou continuar aqui no Blogger. Uma das razões que me faz querer mudar de plataforma é o formulário de comentários nativo daqui, que não é nada intuitivo. Instalei o Intense Debate e sofri por dois dias até conseguir personalizar e deixar com uma carinha mais clean. Não tá perfeito, mas me tranquilizou bastante em relação aos comentários dos posts. Me contem o que vocês acham desse método quebra-galho para comentar, o feedback de vocês é muito importante para quem está do lado de cá :}

E o que mais precisa de mudança?

Para resumir: eu inteira, haha.
Eu não sou uma pessoal saudável. Para ser considerada saudável, uma pessoa precisa estar bem:

a) fisicamente
b) psicologicamente
c) socialmente

E adivinhem? Eu não estou bem em nenhum desses aspectos. Algumas mudanças são mais complicadas e sofridas do que outras, como a mudança na maneira de pensar, por exemplo. Nossa cabeça controla todo o nosso corpo, não só fisiologicamente como também em termos de "pessoalidade". A maneira como eu me enxergo, como eu (não) me aceito, como às vezes fico tão ansiosa... Isso afeta tudo ao meu redor.





Uma mudança física também é necessária. Eu sempre fui gordinha desde criança, daquelas que estão 10 kg acima do recomendado, mas nos últimos 5 anos eu fui engordando alguns quilinhos a cada ano. Hoje eu sou gorda (não mais "gordinha") e para o meu azar, não sou uma gorda saudável. Tenho hipertensão, as minhas costas só faltam me matar quando eu me abaixo e também comecei a sentir dificuldades para calçar sapatos de salto alto. Há uma série de pequenas dificuldades no cotidiano que estão me incomodando bastante, além da autoestima sempre baixa (mas isso já é de longa data). Perdi 2 quilos em 1 semana e fiquei bastante contente porque, aparentemente, eu não terei muita dificuldade em perder peso e gordura. Arrisco dizer que de tudo que eu preciso mudar em mim e na minha vida, emagrecer é a parte mais fácil menos difícil. 

Quando eu morava em Pernambuco, tinha bastante amigos tanto na minha cidade, quanto nas cidades vizinhas. Eu vivia saindo com eles, indo para shows, viagens... Quando me mudei para São Paulo, desenvolvi depressão já nos primeiros meses e isso me afastou um pouco das pessoas que eu tinha conhecido e me impediu de fazer novos amigos. Eu não tenho dificuldade de conversar com outras pessoas, mas tenho dificuldade em manter essas pessoas por perto. A depressão, provavelmente, foi a razão que agravou meu quadro físico e aprender a viver com ela é a parte mais difícil do meu dia-a-dia. Não quero prolongar nesse assunto, talvez eu faça um post (bem humorado para compensar o peso do tema :D) sobre isso futuramente.

Vou tentar incluir o blog no Plano de Mudança de Vida Nº 9498754694 (coleciono muitos fracassos haha), junto com exercícios físicos (ainda não fiz nenhum dia) e alimentação balanceada (já mudei algumas coisas, mas ainda precisa melhorar). Eu sei que para mim é mais complicado de implementar essas mudanças por causa da depressão, mas eu definitivamente quero ser uma pessoa mais ativa e mais feliz, então não tenho muitas alternativas a não se continuar tentando e tentando todos os dias :D

Muitas coisas não serão simples, minha mente está bem confusa nos últimos tempos (dizem por aí que fevereiro e março é época de inferno astral para áries por causa de peixes, então vou fingir que é por isso, hahaha), tenho alguns planos e nenhuma perspectiva de realizá-los ainda, mas com calma eu chego lá. 


Prometi para mim mesma que abordagens tristes estão proibidas neste blog, então mesmo que eu fale sobre assuntos tensos, será com leveza e bom humor. Espero que vocês estejam por aqui acompanhando as minhas tentativas de não sumir mais.
Obrigada e até já <3
 
© 2009 - 2016 . todos os direitos reservados