um blog de inspirações e expirações

4.9.09

o dia inteiro passei tentando

arrancar de dentro o que me grudou nas paredes. sem cor, sem cheiro, sem som.
intangível como as coisas mais efêmeras.

11 comentários:

  1. A vida inteira pra tentar tirar seu cheiro de mim, sua cor da minha pele, sua voz dos meus ouvidos...

    ResponderExcluir
  2. Ah ,essas coisas todas...

    Lindo aqui, meu post preferido foi ''oi, vazio'', eu ri e gostei =)

    .__.

    seguindo :)

    ResponderExcluir
  3. Adorei o blog, seu estilo de post é simples e atinge bem no meio da alma !!
    Abraços,
    to te seguindo !

    ResponderExcluir
  4. o efêmero, por algum motivo, tende a se eternizar na lembrança.

    ResponderExcluir
  5. Achei que já tivesse comentado nesse daqui :O

    adoro a frase da descrição, caio fernando é o cara :) rs

    ResponderExcluir
  6. Gosta de Leminsk?
    O que você escreve se parece com ele.

    ResponderExcluir
  7. Não tente arrancar
    com o tempo, sai sozinho \o

    amei o blog ^^

    ResponderExcluir
  8. Também acho que sua brevidade graciosa lembra Leminski.

    Assim como Paulo ali em cima disse.
    Beijocas.

    ResponderExcluir

♥ Você pode comentar usando apenas seu Nome e Url: selecione a opção no menu suspenso "comentar como".

♥ Alguns comentários podem não ser aceitos, dependendo do cunho da mensagem. Seja gentil na blogosfera.

Obrigada por comentar. Sua visita e opinião são importantes para mim.
Volte sempre!

 
© 2009 - 2016 . todos os direitos reservados