um blog de inspirações e expirações

3.9.09

brechó de madeira

Do baú:
flores, lascas de arco-íris, vestidinhos rendados de boneca, borboletas voando, gotas de orvalho, um raio de luz, uma brisa soprando, um punhado de neve, um pedacinho da lua, beijinhos de namorado, uma joaninha, passarinhos cantando, folhas de outono caindo e um senhor coração jovem.

27 comentários:

  1. Abri o meu baú e lá só encontrei lembranças empoeiradas...

    beijão moça!

    ResponderExcluir
  2. Bom, eu particurlamente quero distancia do meu baú. Por sinal, ele anda muito bem fecha. Gostei do Blog Gabriela...

    Visita meu blog...

    www.amajouva.blogspot.com

    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Aqui é tudo tão bonitinho e miúdo e fofo que chega dá pena de entrar e ler. Parece que vou desfacelar tudo quando ler e comentar, sou muito grossa, ignorante. Lindo demais pra mim.

    Pelos seus dois blogs: parabéns.

    ;*

    ResponderExcluir
  4. e no coração um monte de outras cousas :*

    ResponderExcluir
  5. Quanta coisa boa nesse baú!
    Vou abrir o meu pra ver se relembro do meu coração.

    =***, sweety!

    ResponderExcluir
  6. Do baú, todas essas coisas, daqui, não sairiam. Permaneceram e permanecerão sempre soltas. Livres. E muito mais minhas, por assim ser.

    (:

    [Pra mim, as letras de Camelo não seriam tão poesia se não coubesse a melodia que ele deixa nascer como ninguém mais. É sol. Ainda bem que eu entendo].

    Beijo, Gábis.

    ResponderExcluir
  7. Vou pegar as borboletas e o raio de luz. Mesmo que no final das contas nem possa tê-los de verdade.
    Beijo

    ResponderExcluir
  8. moça leminska.



    AMEEI. muito obrigada viu, foi um puta dum elogio.

    ResponderExcluir
  9. É bom dar uma olhada no baú de vez em quando;;;
    bjs

    ResponderExcluir
  10. No meu baú só tem um bocado de lembranças tristes. as felizes estão em um cofre, pra jamais perde-las, já que são poucas.

    beijo.

    ResponderExcluir
  11. No meu baú só tem um bocado de lembranças tristes. as felizes estão em um cofre, pra jamais perde-las, já que são poucas.

    beijo.

    ResponderExcluir
  12. não, ainda estou em binômio de newton e umas coisas assim. sei lá, não presto muita atenção em álgebra!

    ResponderExcluir
  13. Coisas q não valem a pena estarem guardadas, mas q valem a pena guardar.

    E o baobá foi mesmo inspirado no Pequeno Principe. : )

    ResponderExcluir
  14. no meu baú há um amontoado de emoções, um punhado de cores, velhos livros guardados, um violão empoeirado, e uma velho texto que não acabei de escrever. =)
    gostei do seu espaço. bjs!

    ResponderExcluir
  15. Mas essas coisas bonitas merecem sair do baú para um passeio, não acha?

    ResponderExcluir
  16. As vezes é tão bom dar um passeio pelo nosso baú...
    ^^
    [Passando pela primeira vez, amei isso aqui! Beijos!]

    ResponderExcluir
  17. Que delícia de texto
    leva a gente pra dentro da historinha
    amei o blog ^^

    ResponderExcluir
  18. que lindo!

    ah, siim eu tive coragem de fazer a progressiva UAHUIDHSIUHDS
    não tem formol e tal, ai fiz.
    mas espero nao fuder tanto meu cabelo (mais do que ja tava)
    eu vivia de chapinha, o coitado tava de-to-na-do!
    AUHDIUHDSIUHDDS
    bom domingo e feriado, kissesss!

    ResponderExcluir
  19. você é linda, sabia? Linda e doce. Eu adoro aqui, me sinto leve.

    ResponderExcluir
  20. Ah, ainda não tem post novo.
    Mas é, finalmente achei meu alvo. Só falta ele morrer de vez.
    Beeeeijo

    ResponderExcluir
  21. Definitivamente nada. Sou pseudo gorda.Aquele cara existiu (do texto), ou pelo menos parte dele.
    Nada contra coisas gordas.

    ResponderExcluir
  22. owwn, que lindo...
    vou abrir o meu tb, pra ver o que encontro!

    Beijooo :*

    ResponderExcluir

♥ Você pode comentar usando apenas seu Nome e Url: selecione a opção no menu suspenso "comentar como".

♥ Alguns comentários podem não ser aceitos, dependendo do cunho da mensagem. Seja gentil na blogosfera.

Obrigada por comentar. Sua visita e opinião são importantes para mim.
Volte sempre!

 
© 2009 - 2016 . todos os direitos reservados